18 de abr de 2012

o drama

Atualmente, o tema central da minha vida é a minha monografia. É claro que ela vem acompanhada de um monte de coisas do meu dia a dia, né: todas as noites de aula que tenho, os trabalhos da agência, o namorado, a família, azamigas, os livros (que não tem a ver com o TCC) que estão formando uma pilha cada vez mais assombrosa na minha mesa de cabeceira. Mas mesmo assim, a cada coisinha que eu faço, eu penso na monografia. Ou na CULPA que eu sinto por estar fazendo outras coisas e não estar fazendo ela.

Conheço várias pessoas que estão na mesma situação que eu. Algumas estão mais adiantadas e vão entregar o trabalho pronto agora, na metade desse ano. Outros, assim como a Nicole aqui, estão apenas na fase de produção do projeto de mono – mas eu não consigo enxergar dessa forma, como um negócio simples. Pra mim, é a reta final. Se a faculdade toda foi de boa, chegar a hora de levar MUITO à sério. Depois de tanto tempo tendo aulas de fotografia, escrevendo notícias pelo Campus, desenvolvendo reportagens e gravando boletins, chegou a hora de, bem, ser jornalista. Ter um diploma. Não que isso vá mudar minha vida, mas vai ser um mega passo e tal.

Na verdade, eu só tô exaltando a importância da monografia pra ver se vocês compreendem os posts meio aleatórios e curtinhos que estão vindo nesse especial de 30 dias 30 posts. Mas logo as grandes histórias virão. Eu nem falei do curso de nadismo ainda...

Então, até a próxima – que já é amanhã! BEIJO!

Um comentário:

  1. eu passei por isso, é tenso mesmo, parece que não tem luz no fim do túnel, mas tem , vai da certo!

    ResponderExcluir

Adoro comentários! Vamos conversar?