23 de abr de 2012

fui ver titanic 3D


 Desde o dia em que eu vi que sairia uma versão 3D do Titanic, já fiquei com as entranhas reviradas de tanta ansiedade. Esse filme é um dos tops da minha lista de “filmes que eu sempre vou parar para assistir se por acaso estiver passando na televisão”. Nessa lista ainda entra o Casa Comigo, De repente 30 e qualquer um dos Harry Potter ou Senhor dos Aneis. Mas Titanic é quase imbatível. 

Foi um dos primeiros filmes de verdade (que não era desenho animado e tal) que eu fui assistir no cinema. Eu tinha o que, uns 7, 8 anos, e fui com a escola. Lembro que depois, em sala de aula, tivemos que fazer um desenho sobre o filme. Eu, é claro, desenhei Jack e Rose de braços abertos na ponta do navio (enquanto meus coleguinhas fizeram desenhos óbvios e sem sentimento das fornalhas ou do tamanho do convés). Fiquei apaixonada por esse história de romance proibido, de ir contra as ideias dos outros, de fugir pelo navio em pleno naufrágio – e morrer congelado de puro amor. 


Então, no mesmo final de semana que estreou o filme, convoquei uma amiga e meu namorado para ver qual seria a vibe do iceberg em 3D. Mas no fundo no fundo, vou confessar aqui pra vocês, eu queria mesmo é assistir o filme de novo em telão, com ou sem efeitos visuais diferentes. 

Chegamos lá no cinema com uma hora de antecedência e a fila já estava enorme. Detalhe que era um domingo de noite. Quem sai de casa num domingo de noite para assistir um filme que tem 15 anos de idade? Resposta: eu e mais toda a galera que lotou – repito, lotou – a sala de cinema. 

Então o filme começou e tenho que dizer: no início eu fiquei prestando atenção para ver se os efeitos 3D eram mesmo espetaculares – já que por trás de tudo isso tinha o James Camerom, responsável também pelo Avatar. Achei que estava tudo muito lindo. É claro que eles tiveram algumas limitações, né. O filme é antigo, coisa e tal... Mas eu achei que funcionou. 

Eu estava ali, mega observadora. Mas então foi só o Bill Paxton dizer “está pronta para voltar ao Titanic?” para aquela velhinha que... sei lá, foi mágico. Eu estava assistindo, de novo, um dos meus filmes favoritos. Embarcando naquele navio com cheiro de tinta fresca e louças nunca usadas, com elegantes jantares e todo aquele mundo de fofocas envolvendo os ricos. Eu poderia tirar o óculos 3D que meu encantamento não teria diminuído. Chorei nas mesmas partes de sempre – Jack indo para o fundo do oceano congelado é de uma tristeza sem tamanho – e fiquei tensa exatamente como em todas as vezes que assisti. Tudo lindo!

I LOVE TITANICCCCCCCC!!!!!!!1!11!11one!!!!!!

Respira. Respira.

Ok, estou pensando seriamente em ir de novo. Alguma parceria?

2 comentários:

  1. Eu simplismente AMO esse filme. Assisti ele todas as vezes que passou na TV, e vou assistir mais quantas vezes passar. Enquanto eu sei o filme todo (até algumas falas), minha irmã nunca assistiu ele todo.

    ResponderExcluir
  2. Eu queria tanto assistir esse filme em 3d! Fiquei meio arrasada por não poder porque com um bebê de 1 mês não dá nem pra levar pro cinema e nem deixar em casa! Nossa, eu iria chorar horrores!

    ResponderExcluir

Adoro comentários! Vamos conversar?