27 de nov de 2010

torcedores e efeitos sonoros

No último sábado (não hoje, o outro, né?) eu fui em um barzinho lanchonete boteco com uns amigos meus, comer cachorro-quente, tomar coisas geladas e ver o jogo do Grêmio.

Devo confessar que eu não sou a pessoa mais ligada em futebol no mundo. Ok, na verdade eu não sou nem um pouco ligada em futebol. Não sei a escalação do meu time, não sei o que faz um zagueiro e só conheço superficialmente a regra do impedimento. Mas fui lá com o pessoal, até porque tinha comida e tudo mais. E no fim das contas foi beeeem divertido: primeiro porque o meu time ganhou, e depois porque eu comecei a observar os torcedores que também estavam lá no boteco assistindo o jogo e pude perceber uma coisa: eles fazem muitos efeitos sonoros.

Eu, aparentemente, era a pessoa que estava mais tranquilona lá. Não tenho paciência para assistir um jogo inteiro, então pela metade do primeiro tempo eu já estava lendo uma revista, enquanto os homens faziam seus sons. E era um “UUUUUUUUHH” quando quase era gol. “JUIZ COLORAAAAADO” quando o árbitro não marcava faltas para o Tricolor. “BUSSSCAAAAA” e “FEITOOOOOOO” e “GOLAAAAAÇOOO” quando a bola ia para a rede. E eu só: “eba, que bom, né?” Ué, se eu ainda ganhasse uma parte do salário dos jogadores para torcer ou algo assim, seria mais entusiasmada. É verdade!

No final das contas, o Grêmio ganhou e todo mundo lá virou Best friend. Quando estávamos indo embora, um cara com a camiseta do Grêmio passou por nós e disse para o meu amigo, que também estava de camiseta do Grêmio: “Jogão, hein?” – como se eles fossem velhos conhecidos. Esse é um dos lados bonitos do futebol. E o Kaká é o outro. RÁ!

É, fazia tempo que eu não aparecia aqui. Final de semestre na faculdade, vocês devem imaginar como é. Pois é. Mas tenho mil idéias de posts, portanto, me aguardem!

E, pra terminar: pra que times vocês torcem? Vocês se descabelam pelos seus times? Eu confesso: mantenho meu ar blasé e apenas sorrio quando dá gol. E olha lá! Hahahahaha Um beijo!

15 de nov de 2010

risadas em seriados

Eu andava carente de seriados para assistir. Já tinha assistido todos os episódios de True Blood e de Glee e os meus momentos de tédio em casa – que, ok, já são poucos, mas mesmo assim – estavam ficando deveras vazios. Até que por indicação de vários amigos meus eu resolvi dar uma chance para o The Big Bang Theory. Gostei bastante, até. Tem altos diálogos bons e os personagens, cada um com suas peculiaridades, são hilários. Mas tem uma coisinha que me incomoda MUITO: os episódios têm aquelas malditas e ladinas daquelas RISADAS.

Sabe aquelas risadas tipo de auditório? Aquelas que também aparecem em Friends? Pois é. Eu ODEIO essas risadas! Sério, eu fico realmente incomodada com essas risadas. Eu não sei, mas eu acho que eles meio que subestimam a nossa inteligência com isso. “Eles”, nesse caso, são os caras lá que decidiram que iam colocar risos no meio dos episódios. Tipo “ahhh, tenho certeza de que o pessoal que assiste não vai sacar que isso é uma piada/ironia/whatever. Vamos soltar aí uns HOHOHOHOHOHO pra galera entender”.

HOHOHOHOHOHOHO

E daí cai uma caixa no chão e HAHAHAHAHA. Alguém diz “... ok!” e HAHAHAHAHA. A campainha toca e HAHAHAHAHA. Eles simplesmente olham um para o outro e HAHAHAHAHA. GENTE, como é que faz para aguentar isso? Sério, alguém me conta como faz, porque eu quero assistir os episódios, mas tenho vontade de DAR UM TIRO na tela toda vez que essas gargalhadas começam.

Tomei uma decisão: vou assistir Big Bang só quando eu estiver me sentindo realmente tolerante. Nos outros dias eu vou, sei lá, jogar The Sims. Pelo menos lá não tem esse quiriquiqui todo.

Ah! E eu tenho um NOVO seriado favorito! É o The Walking Dead, que passa toda terça-feira, às 22 horas, na Fox. É de ZUMIBIS! Só que ele está apenas estreando aqui no Brasil, só passaram dois episódios ainda, então eu não posso baixar toda a temporada e assistir um episódio depois do outro como se não houvesse amanhã, como eu fiz com Glee. O que me enche de ansiedade e tudo mais. Super recomendo que vocês assistam. Aliás, eu assistindo The Walking Dead SUPER rende um post. Hmmmmm... Aguardem...

E viram o layout novo? É, esse eu mesma fiz, para tapar o buraco enquanto o meu SUPERLAYOUT FODÃO não fica pronto. :D Tá bacaninha, né? Eu em vários momentos, hahaha! Me contem o que acharam! Um beijo!

13 de nov de 2010

agora eu sei quem vocês são!

Estou de voooolta, queridos e queridas, mais animada e saudável do que nunca! Agradeço pelos comentários me desejando melhoras – me deixaram bem felizona. Foram dias difíceis esses aí, de gripe. Passei um dia inteiro tomando o que eu achava ser suco de laranja – até que no final do dia vi que se tratava de suco de SOJA sabor laranja. Ou seja, se aproveitaram da minha fraqueza e falta de apetite para me darem SOJA. Mas tudo bem, o suco era bom. E chega, a gripe já foi embora, a febre também, vamos falar é de coisa boa: iogurteira Topterm! Hahaha NOT.

Hoje eu vou revelar quem é você aí, leitor desse espaço. SIM, queridos e queridas, eu fiz um super apanhado do super questionário que estava circulando pelos posts nos últimos dias. Tive respostas bem interessantes e cheguei a algumas conclusões. Vamos ver?

- A maioria dos leitores só me conhece pelo blog, mesmo, embora 3 pessoas tenham assinalado que são a minha mãe – e isso me dá um pouco de medo, sei lá. 17 pessoas SUPER querem me conhecer e 14 marcaram “other”. Essas aí se identificaram, tipo “amiga de uma amiga” e “vizinha de baixo”. Amigos e colegas também apareceram em número expressivo. Pessoas que me dão “oi” quando passam por mim na rua foram duas só. Hm.

- 51% dos leitores têm entre 16 e 20 anos. Muita gente me acompanha desde o Blog da Nicole, que tem a maioria dos meus pensamentos meio adolescentes. Hahahahaha! Outros leitores acabaram chegando aqui por indicação de amigos, ou vendo em outros favoritos e tals. Sejam bem-vindos, novos leitores! =D

- Confesso que até fiquei orgulhosinha com o que as pessoas me escreveram ali na pergunta “por que você gosta do meu blog?”. Só apareceram coisas legais e bonitas, sobre como eu escrevo de uma maneira legal, cativante, engraçada. Muita gente disse que consegue até me imaginar falando através dos meus textos. Olha só quanto amor, gente:

“Tu escreve muiiiito bem! (Eu sou fonoaudióloga, gosto de boa comunicação!). Guria, se tu continuar assim, tu vai ficar famosa mesmo... assim como disse tua amiga Curry!”

“Ah dona Nicole, você faz de pequenos fatos do cotidiano uma histórinha gostosa de ler.Eu gosto muito daqui. [...] Continue assim :) rs”

“Você escreve de um jeito muito espontâneo, bem divertido e tal. Consigo te imaginar falando do jeitinho que você escreve!!! Hahahahaha”

“Pela maneira pela qual os assuntos são abordados - você faz de um simples (e feio) croc ser um superassunto que me rende reflexões e risadas internas. Adoro suas ironias e me inspiro total nelas.”

“Bah Nicole, eu gosto do teu blog porque ele é feito por uma menina mas não é assim de mulherzinha sabe? Cheio de propagandas de esmaltes, perfumes, sapatos e bolsas como a maioria dos blogs femininos é. Gosto porque tu tem conteúdo e é engraçadinha. Também porque eu me identifico contigo, no sentido de ser do RS, morar numa cidade do interior e tals. Sei lá, eu gosto do teu blog por vários motivos, mas basicamente porque ele é fofo mas não é fútil.”

“Por que você é meio (totalmente) imprevisível! Vê esse questionário, por exemplo, nunca vi nenhum outro blogueiro fazer algo assim. E porque eu morro de rir imaginando as situações que você descreve #prontofalei E porque você escreve coisas bizarras, claro.”

EU AMO VOCÊS, OKEY?

- Voltando... A maioria esmagadora dos leitores concordou com uma coisa: falta um layout decente para esse blog. Ok, people, será providenciado. Aliás, já ESTÁ sendo. Rá!

- Ahhh, é, quase esqueci. O “Rá” foi uma grande surpresa! Muuuuita gente escreveu Rá por algum motivo ou outro, e ainda disse “aprendi contigo. Rá!”. AMEI! =D

Enfim... Bacana, não é? Gostei dessa coisa de fazer questionários. Quem sabe em breve em faça um de novo...

Ahh! Em janeiro meu blog vai faezr 3 anos. Quero sugestões: o que eu posso fazer aqui para comemorar? Um sorteio? O que eu poderia sortear? Ideias, ideias, ideias, please! Beijolas!

9 de nov de 2010

estou doente

Olá, queridos leitores do Blogando com Nicole. Confesso que ando relapsa quanto a atualização desse blog e sinto muito vergonha por causa disso. Muitos de vocês imploraram lá na minha pesquisa que eu postasse com mais frequência. E eu queria fazer isso, sério mesmo. Só que... estou doente, leitores! DOENTE!

Ok, talvez eu esteja exagerando. Mas estou ruinzona. Cara, fazia MUITO TEMPO que eu não ficava malzona assim. Febre, dor no corpo, dor de garganta... Sim, meus queridos, eu peguei um gripão. :(

Então esse post aqui é basicamente para dizer que eu só vou conseguir postar algo de qualidade quando eu ficar realmente boa. Até no meu trabalho eu só consigo render de verdade nos breves intervalos que estou sem febre. É, para vocês verem que a situação não tá fácil.

Mas vocês sabem que eu sou durona e logo logo estarei TRI bem de novo, e cheia de posts muito legais. Sim, porque eu preciso contar sobre a TRIP que fiz para Porto Alegre, preciso falar sobre a melhor pizza do mundo e também preciso, é claro, falar muito mal sobre como é ter febre. É tão ruim, Jesus Cristo!

Enfim. Me desejem melhoras! E eu volto logo! ;)

2 de nov de 2010

feriados me deixam confusa!

Feriados são dias deliciosos, não são? Nesses dias você pode dormir até tarde e depois fazer todos aqueles programas sociais com o seu um milhão de amigos: churrasco, bebedeira, cineminha, chimarrão, lagartear no sol, sorvete, risadas, etc. você também pode ficar com sua família e tal, ou descansar, ler, namorar, whatever. Cada um sabe o que faz. Eu saio com amigos. ;)

Mas, por mais que sejam dias delícia, feriados me deixam confusa, pois parecem ser dias que não são. Hoje, por exemplo, é terça-feira. Mas, tipo, é total domingo. Até me surpreendi que não está passando Faustão!

Hoje de tarde eu estava em um churrasco com um grupo de amigos. A TV estava ligada e, de repente, apareceu a Angélica e o André Marques (que ta bem gordo, né gente? Me espantei!). Daí eu disse: “Mas ué, o que eles estão fazendo aí?” – porque, tipo, domingo é dia de Silvio Santos, futebol, essas coisas. Então alguém respondeu “Nick, hoje é terça!”. Claro, né. Dã.

Dias que são véspera de feriado também são enganosos, pois sempre parecem sexta-feira. Sempre, mesmo quando são... sei lá, segunda-feira, como foi o caso de ontem. Vamos ao exemplo prático.

Ontem de noite, depois da faculdade, fui encontrar uns 12 amigos num barzinho – é, eu não paro nunca. Cervejas, cachorro-quente, papo vai, papo vem, uma amiga disse:

- Ai, Nick, deve ser triste ter aula em sextas-feiras, não é?

- Amiga, hoje é segunda!

- Ah, é. Mas mesmo assim. Também deve ser triste ter aula em segundas-feiras...

É. É triste. Mas vai dizer, né? Embora seja um dia estranho, véspera de feriado tem aquela cara de sexta-feira que, convenhamos, é o melhor dia que existe,mesmo sendo dia de trabalhar. Toda aquela expectativa sobre o que você vai fazer no final de semana... Cara, amanhã SUPER devia ser sexta. Mas não, vai ser uma quarta com cara de segunda. Droga.

Mas e aí, você também fica meio confuso?Não me diz que eu to sozinha no mundo! Hahahaha

Beijomeliga!