28 de jun de 2013

dedinhos formigantes

Ando naquelas fases de viver determinada coisa e pensar “bah, isso vai render um belo de um post pro meu blog”. Fazia um tempo que isso não acontecia. Não por eu não estar vivendo coisas boas, interessante ou digna de nota. Na verdade, acho que eu andava em crise. Sabe quando você acha que você mesmo é uma grande farsa? Fiquei meio que duvidando de mim mesma, da minha capacidade de manter um blog, de escrever coisas interessantes. É, meio complicado de explicar. E também andava atolada em freelas, já que eu faço formatação de trabalhos científicos e o pessoal andou entregando muitas monografias ultimamente. E também cheia de coisas da pós para ler e produzir. Complicado.

Mas, como uma nuvem que vai embora e mostra o céu azul, essa coisa ruim passou. E, magicamente, eu voltei a me sentir empolgada com tudo. E meus dedos formigam, com vontade de escrever. Por quanto tempo isso vai durar, eu não sei. Mas vou aproveitar essa maré de animação enquanto durar. Vai ser divertido.


Ah, uma dica: curta a minha página lá no Facebook! Posto diariamente por lá. Algumas ideias soltas, uns diálogos e, obviamente, umas fotos de nenês e cachorros – porque às vezes eu esqueço que já sou adulta.  

2 comentários:

  1. Ah amada, todas temos esses dias cinzas, assim que eu chamo, cinzas por dentro, mas passa, vem a vida e nos mostra que a gente tem que correr atrás mesmo, porque o melhor sempre nos espera.
    E eu espero os próximo posts!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Ahh,eu entendo tenho pouco tempo também que posto algumas coisas(e não sei direito o que postar)mas não deixe de postar,certo???

    bjos

    p.s:curti la no face.

    ResponderExcluir

Adoro comentários! Vamos conversar?