20 de abr de 2008

magricela - fora da passarela.

Dizem que modelos tem que ser magras para apenas carregarem a roupa que estão apresentando. Em outras palavras: cabide. A idéia pode ser essa mas eu não acho legal. Elas são modelos e, como o próprio nome já diz, são algo para ser seguido. Se o que é para ser seguido é ter pernas finas e nada de bunda (e vestir umas roupitchas muito estranhas...) me tirem dessa, ok? Fala sério, que coisa mais feia aquele bando de mulher igual, que parecem que nunca comeram uma pizza quatro queijos na vida, desfilando aquelas pernas secas e olhando fixamente para algum ponto imaginário em frente. Feio. Mulheres comuns não são assim. Como vou imaginar se fico bem vestindo calça balonê se só vejo sendo usada na passarela por uma seca qualquer? Não estou dizendo que as modeletes tem que ser como uma espécie de, hã, mulher melancia, mas concordo totalmente quando fazem projetos e tals para banir as magricelas das passarelas. Viva a pizza quatro queijos e as mulheres com curvas! (Para o site da Capricho).

PS: Aguardem o meu post-desabafo sobre as indústrias de cereais matinais. Esse ficará para a história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adoro comentários! Vamos conversar?